quarta-feira, 16 de março de 2011

Quem somaria com quem?

Muito tem se falado sobre os nomes do grupo governista, inclusive o blog. Até agora não se tocou na oposição, nas possibilidades do grupo liderado pela deputada federal Sandra Rosado (PSB). É claro que, por estar no governo, o agrupamento político da prefeita Fafá Rosado (DEM), em tese, estaria em vantagem.

Contudo, não se pode esquecer que tudo poder acontecer. Tudo depende de como os entendimentos e as definições ocorrerão a partir de agora e nenhum nome pode ser desprezado ou minimizado.

O que definirá os resultados das eleições de 2012 está ligado exclusivamente ao próprio governo. Se continuará bem, logicamente tem chances grandes de emplacar o sucessor. Mas isso não quer dizer que a oposição também não tenha sua potencialidade eleitoral.

Do governo, são seis nomes. Um com remotas chances, que é a vice-prefeita Ruth Ciarlini (DEM). Os outros cinco, qualquer um pode ser o escolhido. Os critérios para tal, contudo, nunca são revelados e dependeriam de pesquisas.

Pela oposição, apenas um nome desponta, que é o da deputada estadual Larissa Rosado (PSB). Vai para a sua terceira tentativa de chegar à Prefeitura de Mossoró. Se conseguirá desta vez, ninguém sabe. O certo é que ela tem potencializado seu nome, mas a fragilidade de um palanque dito forte emperraria essa possibilidade.

O PT já deu sinais de que não seguirá com o PSB. O PMN pode ser a opção, com o presidente da Câmara Municipal, Francisco José da Silveira Júnior, para compor chapa com Larissa. O PR poderia somar, mas o vereador Genivan Vale adiantou que pode se aventurar na disputa majoritária.

Quem poderia somar ao projeto da oposição? Eis a dúvida.


Nenhum comentário: