sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021

Gestão Allyson coloca idosos em situação de risco

O prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade) optou por um sistema de vacinação de idosos à moda antiga, com aglomeração e sem nenhum respeito a quem á passou dos 60. A Prefeitura de Mossoró simplesmente tomou a decisão de distribuir as vacinas contra a Covid-19 em Unidades Básicas de Saúde (UBS) estratégicas, mas não se atentou para colocar o mínimo de conforto ao público.

Nem pensou na possibilidade de ampliar o horário de atendimento. Simplesmente, pelo que o blog foi informado, a Secretaria Municipal de Saúde teria recebido a orientação para evitar o atendimento drive thru, pois a ação lembraria a ex-prefeita Rosalba Ciarlini. E, com isso, faltou o lado humano. Aliás, evidenciou-se. Só se pode pensar em falta de algo quando este algo existia. Isso em termos de gestão.

Senhores e senhoras sentados e sentadas em calçadas quente, expostos ao sol, poeira e ao próprio vírus da Covid-19. Se o objetivo era vacinar os idosos e idosas para que eles ficassem imunes mais adiante, a Prefeitura de Mossoró pode ter feito o contrário.

Uma ação pública, seja ela qual for, necessita de planejamento. Não se pode mais trabalhar com amadorismo. Pois foi isto o que se percebeu com a vacinação dos idosos nesta sexta-feira em Mossoró. Uma tremenda falta de respeito a quem construiu a história da própria cidade.

E tão logo a vacinação começou, a reação começou nas redes sociais. Houve até quem defendesse a ação. E aqui não se condena. Critica-se apenas a concretização.

O cidadão, principalmente o idoso, merece ser tratado com o máximo de respeito. Allyson deixa bem claro que a sua gestão não se preocupa com algo a longo prazo e prefere o imediatismo, a pirotecnia virtual. Contudo, os likes de hoje podem, necessariamente, se transformar em deslikes mais na frente. Uma descurtida que pode, perfeitamente, virar um não-voto adiante. 


Nenhum comentário: