quarta-feira, 4 de novembro de 2020

Instituto Sensatus não diz que números de pesquisa são falsos

Uma pesquisa de opinião pública, registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), deixou de ser publicada por uma emissora de tv mossoroense sob a alegação de que os números haviam sido alterados em divulgação prévia no site da própria emissora. Em nota, a Tv disse que seu site havia sido invadido e que, por esse motivo, achou por bem não divulgar mais a sondagem que havia sido feita pelo instituto Sensatus.

Em nota, o instituto Sensatus não afirma que a pesquisa era falsa. Não diz que os números registrados e divulgados seriam falsos. Limita-se a dizer que cabe à empresa contratante decidir sobre a sua divulgação.

O instituto Sensatus também esclareceu sobre o valor da pesquisa, informada em R$ 5 mil. Disse que que esse montante se deve ao fato da contratante ser um órgão de comunicação e a divulgação da pesquisa, por consequência, divulgaria, também, o nome e o trabalho do instituto.

Na nota, o instituto frisou que possui experiência e deixa entender que não aceitará ter seu nome vinculado à suposta falha numérica, aludida pela empresa contratante. E diz: A SENSATUS PESQUISA E CONSULTORIA LTDA tem 15 anos de mercado e experiência em pesquisas no Rio Grande do Norte. Reforça o compromisso com A verdade dos dados, ética e idoneidade com o cliente e principalmente, o eleitor. Busca constantemente aperfeiçoar sua expertise para entregar resultados e um serviço de excelência à sociedade brasileira. Está disponível para esclarecimentos de qualquer indagação que envolver seus serviços.”

Nenhum comentário: