quinta-feira, 10 de julho de 2014

Leonardo e Fafá reúnem amigos e apoiadores

A ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB), que busca se eleger deputada federal, e o marido dela, deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM), reuniram amigos e apoiadores ainda a pouco. O encontro, que aconteceu na residência do casal, marcou o lançamento da candidatura deles. Fafá recebeu apoio do prefeito de Grossos, José Maurício Filho (PMDB), e do ex-prefeito João Dehon da Silva (PMDB), bem como de vereadores de Janduís (Fábio Dantas, do PSD), Almino Afonso (Júnior Alves, do PMDB) e Frutuoso Gomes (Gilvan da Loja, do PP).

Fafá Rosado disse ao blog que até o final de agosto outros apoios serão anunciados, mas listou que recebeu reforço da prefeita de Areia Branca, Luana Bruno (PMDB), do ex-prefeito José Bruno Filho (PMDB) e de seis vereadores da cidade litorânea. Ela disse também que o candidato do PMDB ao Governo do Estado, deputado federal Henrique Eduardo Alves, tem cumprido o que afirmou e está conversando com lideranças do Oeste e Alto Oeste para que estas apoiem o projeto político da ex-prefeita mossoroense.

No encontro com amigos e apoiadores, Fafá Rosado disse que a decisão de sair candidata a deputada federal foi sofrida, mas que não poderia deixar de exercer um direito seu. Disse ainda alguns imaginaram que ela iria disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e assumir o lugar de Leonardo Nogueira.

"Leonardo tem serviço prestado ao Rio Grande do Norte e por qual motivo eu iria tomar o lugar dele se tinha outra opção?", questionou, acrescentando que chegaram a pedir para que ela e Leonardo não disputassem nenhum mandato eletivo nas eleições deste ano, mas que os dois tiveram a coragem de decidir para tentar buscar a reeleição dele à Assembleia Legislativa dela e a eleição à Câmara Federal. "O que me pediram foi demais: abrir mão da minha candidatura e da reeleição de Leonardo. Não guardo mágoas e tenho o direito de disputar", comentou.

O deputado Leonardo Nogueira lembrou que foi o primeiro encontro e que outros acontecerão ao longo da campanha.

Nenhum comentário: