quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Aviso aos pretensos candidatos à Prefeitura de Mossoró

Os pretensos candidatos à Prefeitura de Mossoró, caso novas eleições ocorram, devem ficar atentos a alguns detalhes que culminaram com a cassação do mandato da prefeita Cláudia Regina (DEM). Em hipótese alguma devem permitir que se adesivem carros, bicicletas, carroças, motos e muito menos helicópteros. Caso não atentem para tais detalhes, quem for eleito será, obviamente, cassado.

Também devem atentar para discursos fortes. Não chamar ninguém de fora e evitar o "oba-oba" político em discursos. O prefeito em exercício Silveira Júnior (PSD), por exemplo, não pode prometer fazer nada, porque se prometer poderá ser cassado. Tampouco deve permitir que alguma autoridade que possa vir a lhe apoiar prometa alguma coisa. Olhe o que foi que aconteceu com Cláudia: a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) prometeu resolver problema da falta d'água, e em ano de seca, e a Justiça Eleitoral cassou a prefeita eleita.

Nenhum secretário municipal poderá visitar qualquer localidade rural e anunciar melhoria. Isso também resultará em cassação de Silveira, caso ele seja eleito. É só lembrar o caso do secretário estadual Gilberto Jales que esteve em uma comunidade rural para agilizar ações de governo e a visita rendeu cassação.

Os candidatos também não devem permitir que nenhum eleitor mude de opinião ou resolva, de uma hora para outra, deixar que cartazes afixados em suas casas sejam retirados. Isso resulta em cassação. Não foi por esse motivo que se cassou Cláudia?

Além disso, não deve deixar ou permitir que ninguém faça aposta sobre quem vai ganhar a eleição suplementar. Lembrem-se que houve aposta e essa aposta motivou a cassação da prefeita.

E bom lembrar também que quem quiser alugar veículos, mesmo que seja de um amigo, não deve apresentar preço camarada. Afinal, a Justiça Eleitoral entende que existe uma tabela de mercado e não se pode permitir o chamado "preço camarada". Isso também dá cassação.

E por último: rezar para que o voto do eleitor seja validado e que não haja nenhum questionamento. Unzinho que seja, isso já basta para arruinar toda e qualquer perspectiva de vitória.

Nenhum comentário: