segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Silveira: 'isso se chama oportunismo'

O prefeito Francisco José Júnior (PSD), conversando com a blogueira/jornalista Thaisa Galvão, tratou de minimizar os efeitos que se faz acerca da vitória do governador eleito Robinson Faria (PSD) em Mossoró. Robinson, que no primeiro turno saiu com 23 votos de maioria sobre Henrique, ampliou essa diferença para 48 mil no segundo turno.

"Eu trabalhei quatro meses e ela, dois dias", disse o prefeito, destacando sua participação na vitória do governador eleito. Mas disse que não importava o santo, e sim o milagre. "Estou com 70% de aprovação e ela com 30%", disse Silveira. Uma clara afirmação de que está em alta na segunda maior cidade do Rio Grande do Norte. E complementou: "o que sei é que ela fez uma visita à Praça da Convivência e a um restaurante. Isso deu 25 mil votos a Robinson", disse.

Silveira não quis entrar em mais detalhes, apesar de ter externado que não tem gostado dos comentários feitos pelos eleitores rosalbistas, de que a vitória de Robinson Faria deve ser creditada à governadora. "Sei que trabalhei e me dediquei muito. Não quis me aproveitar da vitória de ninguém e Robinson reconhece isso. Quem deu a vitória a Robinson em Mossoró foi o movimento comunitário, os 13 vereadores da nossa bancada, os suplentes, as nossas lideranças rurais e o povo livre de Mossoró. Estes foram os verdadeiros pais. Quem tem uma seleção como essa não perde nenhuma eleição. Vencemos de cabo a rabo. Muito engraçado e oportuno a pessoa trabalhar um fim de semana e atribuir a vitória a si. isso se chama oportunismo", afirmou

Nenhum comentário: