quarta-feira, 25 de junho de 2014

Horas de muita novidade na política de Mossoró

As últimas horas foram bem movimentadas à política de Mossoró. No Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a deputada estadual Larissa Rosado (PSB) se livrou do processo que a tornaria inelegível. Com um placar de 3 a zero ela está apta a buscar a reeleição. Já o deputado federal Betinho Rosado (PP) ganhou o direito de sair candidato mesmo sem o aval do Colegiado. É que quando dois ministros haviam votado pró-cassação do mandato dele por infidelidade partidária, a ministra Luciana Lóssio pediu vistas e salvou a candidatura de Betinho.

Por estas bandas, o prefeito Francisco José Júnior (PSD) anunciou rompimento político com o grupo da ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB). Ele não aceitou a história de Fafá disputar vaga na Câmara Federal, estar no palanque de Henrique Alves (PMDB), enquanto ele vai coordenar a campanha do vice-governador Robinson faria (PSD) na região.

Havia o compromisso do prefeito apoiar o deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM), mas tudo foi por água abaixo em virtude da decisão de Fafá Rosado. Silveira vai lançar amanhã, quinta-feira, o pai dele, Francisco José (PROS), como candidato a deputado estadual.

E o que é que muda? Bom, nestes termos, o prefeito quer fazer valer a máxima de que vem sendo posta em prática em Mossoró durante algum tempo: quem está na giroflex do Palácio da Resistência tem que eleger um deputado estadual. Foi assim com a hoje governadora Rosalba Ciarlini (DEM), que elegeu sua irmã, Ruth Ciarlini, à Assembleia Legislativa. Foi assim com a ex-prefeita Fafá Rosado. Agora Silveira acha que é a vez dele.

Mas tem um porém: a deputada estadual Larissa Rosado está elegível. E, em vez de dois grupos, o eleitor terá que se dividir entre os três: Leonardo Nogueira, Larissa Rosado e Francisco José.

Para a Câmara Federal, a briga vai ser entre o deputado federal Fábio Faria (PSD) com a ex-prefeita Fafá Rosado e com o deputado federal Betinho Rosado (PP). Betinho vai estar no mesmo palanque que Silveira: apoiará Robinson Faria ao Governo do Estado. E aí é que está a questão: como o eleitor vai diferenciar o apoio do prefeito a Fábio Faria das candidaturas de Betinho e Fafá? E ainda tem a deputada federal Sandra Rosado (PSB), que tem base forte na cidade e na região.

Em outras palavras, a salada será grande. Assim como os problemas. E o eleitor, obviamente, no meio de tudo isso.

Nenhum comentário: