sexta-feira, 6 de junho de 2014

É hora de Fafá Rosado exigir do PMDB

A ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB) conversou com o presidente da Câmara Federal e comandante do PMDB potiguar, deputado Henrique Eduardo Alves, na noite desta quinta-feira última. Ele garantiu que Fafá teria legenda para disputar vaga na Câmara dos Deputados. Mas a decisão de Henrique pode ter vindo tarde. È que ainda na eleição suplementar de Mossoró, soube-se que Alves teria garantido à deputada federal Sandra Rosado (PSB) que Fafá não teria legenda alguma.

E parece ainda que tal afirmação de Henrique teria sido verdadeira. Algo que corroboraria com frases ditas pela presidente mossoroense do PMDB, Izabel Montenegro. Izabel, mesmo sem citar nomes, deixou entender que a administração de Fafá Rosado na Prefeitura de Mossoró não teria sido pautada por aspectos éticos. Mesmo tendo feito parte da administração, Izabel saiu "cuspindo no prato que comeu". E alguns compreenderam que ela teria agido sob as ordens de Henrique, que queria desqualificar a ex-prefeita por Fafá Rosado não ter apoiado a candidatura de Larissa Rosado (PSB) à Prefeitura de Mossoró.

Pois bem: agora Henrique parece ter percebido que o mundo não gira em torno dele. Tudo porque Fafá teve aproximação natural com o vice-governador Robinson Faria (PSD), que também está de olho no Governo do Estado. Henrique percebeu que Robinson poderia se fortalecer ainda mais na segunda maior cidade do Rio Grande do Norte... E aí tratou logo de tentar convencer Fafá de que ela seria a candidata dele à Câmara Federal.

Ocorre que Fafá Rosado não decidiu nada. Pediu tempo para pensar. O blog pensa que a ex-prefeita deveria impor alguns aspectos. E o primeiro seria ela ficar com o comando do PMDB local. Não faz sentido algum Fafá ser liderada por Izabel Montenegro. Ainda mais quando a vereadora peemedebista deixa claro que o nome de sua preferência é a deputada federal Sandra Rosado.

Além disso, Fafá deveria reivindicar alguns espaços políticos que Henrique comanda. Fala-se que o presidente estadual do PMDB não abre mão de nenhum espaço, que está todinho direcionado à candidatura do deputado estadual Walter Alves (PMDB) à Câmara Federal.

Ora, assim fosse, não faz sentido algum Henrique dizer que Fafá é sua candidata e não apresentar garantia alguma. E a ex-prefeita tem que exigir isso. É hora de colocar, como se diz por aí, o pingo nos "is".

Nenhum comentário: