quarta-feira, 28 de maio de 2014

Agripino e suas contradições

O blog, sinceramente, não acredita na história de que o Democratas potiguar vai se reunir para decidir se a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) será candidata à reeleição ou não. A decisão já está tomada. Tanto que o presidente nacional da legenda, senador José Agripino Maia, teria fechado acordo com o presidente da Câmara Federal, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), que sonha em ser candidato único ao Governo do Estado.

A história de Agripino dizer, conforme propagou um blog de Caicó, de que Rosalba iria para uma candidatura subjúdice, sinceramente, é conversa para boi dormir. José Agripino Maia se enche de contradição. Como é que ele fala em implicação jurídica na candidatura de Rosalba se ele foi a Ipanguaçu, ao lado de Henrique, declarar apoio e subiu ao palanque de José de Deus Barbosa (PP), que tenta retornar à Prefeitura daquela cidade agora em 1º de junho?

Para quem não sabe, José de Deus está encrencado com uma "impossibilidade jurídica". Mas José Agripino, certamente, percebeu que a candidatura de José é viável.

Não se sabe dos motivos que levaram o presidente nacional do Democratas a ser tão peemedebista de uma hora para outra. A ponto de rifar seu próprio partido. O certo é que tais motivos devem chegar ao conhecimento público em breve. 

Nenhum comentário: