terça-feira, 31 de maio de 2011

Cláudia afirma que não sairá do DEM

A vereadora Cláudia Regina (DEM) buscará a viabilidade de seu nome no Democratas para disputar a Prefeitura de Mossoró no próximo ano. “Acredito na viabilidade”, disse, acrescentando que o Democratas tem bons nomes à sucessão da prefeita Fafá Rosado (DEM). Ela se referiu ao vereador Chico da Prefeitura, à vice-prefeita Ruth Ciarlini e a si própria. Ao que parece, a parlamentar tem a expectativa de que o DEM de Mossoró apresente chapa puro sangue em 2012, a exemplo do que ocorreu nas eleições anteriores.

Cláudia Regina também fez questão de minimizar as especulações de que estaria propensa a sair do DEM, caso não seja escolhida para a cabeça da chapa governista. “Não vou sair do DEM. Não tenho essa intenção e acredito no consenso”, afirmou.

A vereadora fez questão de ressaltar que acompanha o mesmo grupo há mais de 20 anos e que não será agora que mudará de legenda. “Não está em meus planos e não vou deixar o DEM”, reafirmou.

Faltando um ano e poucos dias para as convenções partidárias que homologarão os candidatos às eleições de 2012, Cláudia Regina focaliza suas ações na disputa majoritária. Ela deixa entender que chegou sua hora de disputar a Prefeitura de Mossoró. Em entrevistas anteriores, a vereadora disse que não está em seus planos disputar as eleições na condição de candidata à vice-prefeita. “Já dei minha contribuição como vice”, tem afirmado.

Embora a atual vice-prefeita Ruth Ciarlini esteja na lista de possíveis nomes à disputa pela Prefeitura de Mossoró, dois obstáculos surgem no meio do processo: a renúncia da prefeita Fafá Rosado e o fato de ser irmã da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). É que, para sair na cabeça da chapa governista, Ruth teria que assumir a Prefeitura e partir para a reeleição. Para isso, a prefeita teria que renunciar. Além disso, a barreira também aparece no campo jurídico, já que o direito adquirido com a ascensão de Rosalba ao Governo do Estado seria o de disputar a reeleição como vice-prefeita.

Diante desse quadro, e como a própria governadora Rosalba Ciarlini tem afirmado, bem como o presidente municipal do Democratas, ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado, de que o partido terá candidato próprio, sobrariam Cláudia Regina e Chico da Prefeitura.

Cláudia aposta suas fichas no fato de possuir experiência no Executivo, uma vez que foi a vice da prefeita Fafá Rosado no primeiro mandato (2000 a 2004), além de ter coordenado o Meios em Mossoró. Aliado a esses fatores, a vereadora teria o incentivo do presidente nacional do DEM, senador José Agripino Maia, bem como provável apoio da governadora, caso seja escolhida para ir ao embate eleitoral de 2012.

Contra a indicação de Cláudia existe o fato de não ter apoiado a reeleição do deputado federal Betinho Rosado (DEM) nas últimas duas eleições. Ela trabalhou para o também deputado federal Felipe Maia (DEM), filho de José Agripino.

Contudo, são detalhes que o grupo governista terá que avaliar já a partir de agora, pois o mês de setembro tende a ser de definições políticas para os que querem disputar as eleições do próximo ano. Embora afirme que não deixará o DEM, Cláudia pode ter que tomar decisões contrárias, caso o quadro aponte para outro nome que não seja o seu.

Nenhum comentário: