sexta-feira, 17 de julho de 2009

Wilma lembra derrota de Garibaldi em 2006

A governadora Wilma de Faria (PSB) lembrou da derrota do senador Garibaldi Filho (PMDB) em 2006 ao falar sobre as eleições de 2010. Ao ser perguntada sobre a liderança da senadora Rosalba Ciarlini (DEM) nas pesquisas ao Governo do Estado, Wilma disse que todos falavam, em 2006, que Garibaldi iria ganhar e acabou derrotado.

É bem verdade que a liderança e a força política de Wilma são inquestionáveis, mas para quem quer uma aproximação com Garibaldi para 2010, pode ser que essa declaração volte a afastar os dois.

E o troco de Garibaldi veio à tarde, na governadoria, onde Wilma sancionou o projeto de lei “Boi da Terra”, de Walter Alves, que vem a ser filho de Garibaldi. Bem ao seu modo, o senador disse: “Eu sei governadora que a única parte do meu discurso que não é agradável para a senhora é essa. Eu vou explicar: é porque a senhora é uma concorrente minha. Deverá ser. Dizem que ela vai ser.”

Diante disso, é cada vez mais remota a possibilidade de haver entendimento entre PSB e PMDB. O PSB já tem candidato certo, que é o vice-governador Iberê Ferreira de Sousa, e a história dita pela governadora, de que os peemedebistas poderiam indicar o candidato ao Governo não convenceu.

A afirmação de Wilma parece ter causado impacto apenas no deputado federal Henrique Eduardo Alves - presidente estadual do PMDB. A não ser que os peemedebistas se contentem em indicar o vice. Como ficaria a situação de Garibaldi? Haveria espaço suficiente para acomodar tanto interesse? Até agora só perguntas. Nada de respostas.